04
Setembr

5 ações de segurança para empilhadeiras

A operação de empilhadeiras é pautada pela NR-11. Essa Norma constitui algumas ações de segurança que são imprescindíveis no que diz respeito ao manuseio das empilhadeiras. Embora o maquinário seja de suma eficácia para o desenvolvimento do serviço, possui muitas limitações para a execução de tarefas. Pensando nisso, a Simaq produziu este artigo! Continue a leitura e conheça as principais medidas de precaução.

Quais são as ações de segurança para empilhadeiras?

Algo importante a destacar a respeito da NR-11 é o fato de ser válida para elevadores, guindastes, transportadores industriais e máquinas transportadoras. Nesse sentido, todas as ações de segurança abordadas servem tanto para empilhadeiras quanto para os demais maquinários. A seguir, confira as medidas que não podem ser esquecidas tratando-se da operação de empilhadeiras.

Operador qualificado

As pessoas responsáveis por conduzir uma empilhadeira deverão ser qualificadas por meio de treinamento específico concedido pela empresa contratante. A partir da conclusão deste curso, estarão aptas ao exercício da função. Entretanto, somente poderão dirigir uma empilhadeira portando cartão de identificação. Nele deverá constar nome e fotografia em local visível.
É de extrema importância que o funcionário certifique-se do uso de roupas adequadas e equipamentos de proteção individual.

operador qualificado entre as ações de segurança para empilhadeiras

Inspeção prévia

A inspeção prévia é definida pela NR-11 como uma das ações de segurança. Dessa forma, antes de iniciar a condução de uma empilhadeira é preciso que seja feita uma verificação. Os principais pontos onde essa deve ser exercida são os freios, sistema hidráulico, alarmes sonoros, travas e luzes de segurança. A ideia principal do reparo é identificar possíveis falhas ou fatores que possam fornecer riscos.

Manuseio

No momento do manuseio das empilhadeiras é fundamental considerar duas ações de segurança.

A primeira medida cabe ao processo de condução. O operador da empilhadeira precisa estar com as mãos secas e limpas quando for pilotar. Isso garantirá mais estabilidade ao veículo.
A segunda ação relaciona-se com a movimentação do maquinário. Para que ela seja cumprida de maneira correta, deverá ser observada a capacidade de suspensão e meios de içar a carga. Desse modo, a melhor forma de realizar o deslocamento de forma correta é considerar as recomendações feitas pelo fabricante.

operador de ações de segurança para empilhadeiras

Posicionamento dos garfos

Para entender mais a respeito do posicionamento dos garfos, é preciso considerar a altura do piso. Com a finalidade de evitar trepidações nas empilhadeiras, o piso deverá ser regular e firme ao longo de sua extensão. Para tanto, ele deve seguir a inclinação longitudinal de no máximo 5%. Qualquer medida maior do que 5% será considerada rampa. Portanto, os garfos da empilhadeira deverão ser mantidos a 20 cm do chão como uma forma de centralizar a carga em relação ao solo.

Freios

Por último, mas não menos importante, dentre as ações de segurança está o acionamento dos freios. Essa conduta deve ser realizada devagar para reduzir o desgaste do sistema de tração. Além disso, quando aplicada se torna possível impedir que as cargas tenham chances de cair. Lembre-se: não é sugerido sobrepor cargas na empilhadeira.

Onde comprar ou alugar uma empilhadeira?

Desejando comprar ou alugar uma empilhadeira para melhorar a logística de sua empresa? Conheça a Simaq! Trabalhamos com a venda e locação de empilhadeiras. Realizamos, também, a manutenção de empilhadeiras! Em nosso blog, confira dicas de segurança no uso de empilhadeiras, tudo sobre a profissão de operador de empilhadeira e muito mais! Entre em contato conosco!

Nos siga em
× Chamar no WhatsApp!